Gestão Patrimonial – qual a sua importância?

Não raro o cenário é de corre-corre nos departamentos para levantar relatórios, conferir lançamentos quando se é solicitado o controle patrimonial.
Realizar a gestão patrimonial consiste em controlar os ativos imobilizados, bem como seus centro de custos, acompanhar o ativo circulante versus passivo circulante, realizar as análises horizontais e verticais do Balanço Patrimonial e ainda estar atento aos lançamentos a longo prazo (ativo e passivo). Dessa forma precisão e agilidade são quesitos imprescindíveis para uma eficiente gestão.

Isso tudo sem contar na importância das depreciações, que além da sua significância enquanto conta redutora no Balanço Patrimonial, pode se beneficiar contabilmente para abatimento na apuração de Imposto de Renda e Contribuição Social.

Uma Gestão Patrimonial requer equipe entrosada, estoque controlado, relatórios precisos e profissionais comprometidos. Talvez por isso se leve o nome de GESTÃO, pois a maestria precisa ser tamanha que não dá para ser simples, mas dá para ser eficiente!

Quer aprender mais sobre contabilidade?
Acesso nosso site e conheça mais sobre nosso curso Contabilidade Básica – http://ibdec.net/2014/course/contabilidade-basica

Fontes:
https://g1.globo.com/economia/imposto-de-renda/2018/noticia/imposto-de-renda-2018-veja-13-erros-mais-comuns-na-declaracao-e-evite-cair-na-malha-fina.ghtml
https://sitecontabil.com.br/noticias/artigo.php?id=2819
http://idg.receita.fazenda.gov.br/interface/cidadao/irpf/2018/declaracao/novidades